fbpx
(31) 9 8720 -3111 [email protected]

A agricultura é, assim, indiscutível, pois é a partir dela que se produzem os alimentos e os produtos primários utilizados pelas indústrias, pelo comércio e pelo setor de serviços, tornando-se a base para a manutenção da economia mundial. E por isso preparamos esse post, para mostrar sua importância e os diferentes tipos de produção agrícola e o cenário em frente a pandemia.

Venha Comigo!

 

Produção Agrícola

 

O que é produção agrícola?

O conceito de produção agrícola é utilizado na área da economia para fazer referência ao tipo de produtos e benefícios que uma atividade como a agrícola pode gerar.

A agricultura é uma prática econômica que consiste no uso dos solos para cultivo de vegetais a fim de garantir a subsistência alimentar do ser humano, bem como produzir matérias-primas que são transformadas em produtos secundários em outros campos da atividade econômica.

Existem três fatores ligados à produção agrícola: o físico, como o solo e o clima; o fator humano, que corresponde à mão de obra em seu desenvolvimento; e o fator econômico, que se refere ao valor da terra e o nível de tecnologias aplicadas na produção.

Ao longo do texto iremos descrever os tipos de produção agrícola e o cenário desse setor em frente a pandemia mundial.

 

Pós-Graduação em Gestão e Economia do Agronegócio

 

História da agricultura

A agricultura tem seus primórdios na era pré-histórica, o que possibilitou aos homens deixarem de ser meramente caçadores nômades para fundarem povoados e cidades, e obterem alimentos através do cultivo da terra.

Mais adiante, com as grandes revoluções e grande aumento de pessoas no planeta, a agricultura passou a ter um papel fundamental: alimentar o mundo.

No Brasil não é diferente, e hoje em dia, além da tarefa de fornecer produtos para a população mundial, a agricultura no Brasil tem grande importância econômica, social e ambiental. A produção agrícola mundial, o que trouxe grande desenvolvimento econômico em diversos estados.

 

Nutrição Mineral de Plantas: Macronutrientes.

 

Importância da agricultura

A agricultura tem uma importância história bem marcada. Economicamente ela também é fundamental, em especial ao Brasil, onde é a sua base econômica. A sua importância, entretanto, estende-se a outros campos.

Além de ter sido decisiva para o desenvolvimento das sociedades, ela também fornece subsistência a milhões de famílias ao redor do mundo. A prática é não apenas uma forma de sustento, mas também de nutrição.

A agricultura é uma grande matéria-prima no caso brasileiro e ainda é geradora de empregos. Dessa forma, mais do que com as exportações, ela colabora para a movimentação econômica no país.

 

Tipos de produção agrícola

A agricultura não consiste em apenas um tipo de conjunto de técnicas. Na verdade, são vários tipos de agricultura, principalmente no Brasil.

Essa diversidade se dá principalmente pela extensão do país, já que possui um clima variado e características muito distintas entre uma região e outra. Veja os tipos:

 

Agricultura Extensiva

A agricultura extensiva deve ser entendida como o sistema de produção agrícola tradicional, que utiliza técnicas rudimentares e de baixa tecnologia em sua produção, de forma que existe o uso predominante de mão de obra humana.

 

Produção Agrícola - Agricultura Extensiva

(Fonte: Eco, 2020)

 

Esse tipo de agricultura é comum em pequenas e médias propriedades. Por necessitar de menos recursos financeiros para a produção, acaba sendo muito utilizada por países em desenvolvimento, pois muito não possuem tecnologia suficiente para alavancar uma produção que se utilize de maior tecnologia em seus processos.

Principais características da agricultura extensiva

  • Produção agrícola realizada de forma tradicional;
  • Baixa ou nenhuma utilização de tecnologia;
  • Dispõe de poucos recursos para investimento; Utilização de um número expressivo de trabalhadores como mão de obra;
  • Pode-se ainda encontrar a utilização de arado animal;
  • As sementes utilizadas não são selecionadas. Utiliza-se sementes guardadas da colheita anterior para os próximos plantios;
  • Baixa competitividade no mercado interno e externo, pois a produtividade por hectare não consegue alcançar a produção intensiva;
  • Está presente em pequenas e em grandes áreas, pois o que é considerado é a baixa utilização de técnicas, mecanização e insumos agrícolas, e não somente o tamanho da propriedade;
  • Respeita o ciclo da natureza, plantando de acordo com a época do ano, o ciclo das chuvas, temperatura, etc.

 

Agricultura Intensiva

A agricultura intensiva pode ser caracterizada como o ramo da agricultura que utiliza em suas práticas diárias o intensivo uso de tecnologia de ponta e insumos agrícolas para obter maior produtividade em menor tempo de cultivo.

 

Produção Agrícola - Agricultura Intensiva

 

Esse modelo de agricultura é muito utilizado em países desenvolvidos, mas essa prática também foi incorporada nos países em desenvolvimento, como por exemplo no Brasil, juntamente com o pacote tecnológico criado na Revolução Verde, que previa a modernização da agricultura.

 

Checklist agrícola

 

Principais características da agricultura intensiva

  • Mecanização de todas as etapas possíveis do processo produtivo;
  • Agricultura altamente desenvolvida no viés tecnológico, de forma a possuir máquinas e equipamentos desenvolvidos especificamente para cada etapa do processo produtivo;
  • A utilização de mão de obra qualificada, pois a utilização de maquinário requer assistência técnica e manutenção, e também operacionalização de equipamentos;
  • Utilização intensiva de insumos, fertilizantes químicos e agrotóxicos;
  • Utilização em grande proporção de sementes e mudas geneticamente modificadas, conhecidas como transgênicas;
  • Incorporação de muitas técnicas e tecnologias simultâneas;
  • Alta produtividade, visando a obtenção de maior lucro.

 

Agricultura familiar

Esse tipo corresponde à produção agrícola desenvolvida por famílias, cujo rendimento é voltado para a subsistência delas. Essas famílias geralmente moram em terras pequenas e lá desenvolvem o cultivo com as próprias mãos.

 

Produção Agrícola - Agricultura Familiar

 

Geralmente usam de uma agricultura sustentável. A agricultura familiar representa cerca de 80% da produção mundial de alimentos, portanto, é de extrema importância para a economia.

 

Agricultura Orgânica

A agricultura orgânica tem ganhado cada vez mais espaço no cenário nacional, pois visa o equilíbrio ambiental e o desenvolvimento social dos produtores, além de possuir um modo de produção sustentável que respeita o meio ambiente e é mais saudável ao consumo humano por não ser utilizado nesse tipo de agricultura nenhum tipo de agrotóxico e agroquímico.

 

Produção Agrícola - Agricultura Orgânica

 

Nesse tipo de agricultura só se pode realizar o controle biológico das pragas que aparecerem. A Agricultura Orgânica tomou um caminho sem volta. Ela tem buscado desenvolver novas técnicas cultivo, visando a produtividade e não a predatória do solo.

Da mesma forma um dos principais pilares é o manejo do solo, com uso de adubação verde, compostagem, adubos orgânicos esses geralmente feitos na propriedade rural. entre outras técnicas.

 

Permacultura

Os princípios da permacultura afirmam que as necessidades humanas estão ligadas a soluções sustentáveis, sempre levando em consideração o equilíbrio entre os ecossistemas e o respeito ao próximo.

Ou seja, esse tipo de agricultura é caracterizado por compreender a ecologia, utilizar os recursos naturais de maneira racional e pela prática do desenvolvimento sustentável. Possui três princípios básicos: cuidar da terra, do futuro e das pessoas.

 

Agricultura Comercial

A agricultura é, atualmente, a principal base da economia brasileira, e sua produção é voltada para monoculturas e, também, para tipos de culturas diversificadas.

Sendo assim, a agricultura comercial faz parte do setor primário, ou seja, onde há o cultivo e a colheita da terra para fins de subsistência, de exportação e de comércio.

Uma das principais características da agricultura comercial é a presença de máquinas no campo, responsáveis por beneficiar as matérias-primas e transformá-las em produtos com maior valor agregado.

 

Cenário da agricultura em tempos de pandemia

Você já parou para pensar na importância da agricultura em tempos de corona vírus? Se com as necessárias medidas de isolamento social, as gondolas dos supermercados seguem abastecidas, é porque milhares de trabalhadores rurais seguem no campo.

Assim, se antes da pandemia já não havia condições mínimas de trabalho, com o corona vírus eles estão ainda mais expostos ao risco.

 

Agricultores em cenário pandêmico

Agricultores em cenário pandêmico

(Fonte: Jornal Terceira Via, 2021);

 

Em muitos casos, não há maneiras de manter a distância necessária entre os trabalhadores, nem estruturas adequadas como vestiários para troca de roupas e pias para higienização das mãos.

Há ainda uma grande parcela que perdeu o trabalho devido a interrupção ou diminuição da produção de muitas cadeias de alimentos por conta das medidas introduzidas globalmente para conter o corona vírus

 

Agricultura familiar a frente

Diferente do que pode se pensar, a maior parte dos alimentos que consumimos vem da agricultura familiar. De acordo com a Organização das Nações Unidas para a Alimentação e a Agricultura, 70% do que chega às nossas mesas veio da agricultura familiar.

O momento atual é de luta e a agricultura familiar tem tido papel determinante para enfrentar o corona vírus, quando as pessoas estão comendo mais em casa.

Assim, tem crescido também a preocupação com a origem dos alimentos e as medidas de higiene empregadas na distribuição e venda. Dessa forma, a agricultura familiar tem ganhado destaque.

 

Conclusão

A importância da agricultura em nossas vidas é indiscutível. Da produção dos alimentos que estão todos os dias em nossas mesas ao papel fundamental para a economia do país, o setor é mantido pelos trabalhadores rurais que dedicam técnica, conhecimento e esforço nessa função tão necessária.

Neste artigo podemos conhecer os diferentes tipos de produção agrícola e os desafios que a agricultura enfrenta em período pandêmico, onde esse setor precisa ser valorizado cada vez mais. Se você gostou desse conteúdo e te ajudou e esclareceu suas dúvidas. Comente e compartilhe em suas redes sociais!

 

Pós-Graduação em Gestão e Economia do Agronegócio

Michelly Moraes