(31) 9 8720 -3111 [email protected]

A cultura do trigo é bastante popular na região sul e sudeste do Brasil devido ao clima que propicia tal plantio. Para ter uma boa safra, o produtor pode realizar algumas ações que proporcionam o desenvolvimento saudável da cultura e que resultam em maior produtividade. Neste artigo vamos dar algumas dicas importantes para a sua lavoura de trigo.

Acompanhe!

 

lavoura de trigo

 

Considerado um dos cereais mais antigos e cultivados do mundo, o trigo já ocupa seu espaço na produção agropecuária brasileira, principalmente para a produção de farinha para pães, além de massas e bebidas, tais como a cerveja.

Para se obter bons resultados em uma lavoura de trigo, é preciso realizar o manejo correto para assim garantir o desenvolvimento saudável das plantas no campo. O produtor pode se preparar para uma boa safra com ações que proporcionam maior produtividade na colheita.

O interesse de produtores nacionais no cultivo deste cereal cresce a cada ano, representando uma excelente opção de cultivo.

Se você também tem esse interesse, te convidamos a conhecer algumas informações e dicas sobre o plantio, controle de pragas e colheita do trigo, para entender como tornar essa cultura mais eficiente, competitiva e sustentável.

 

https://agropos.com.br/pos-graduacao-solos-e-nutricao-de-plantas/

 

Lavoura de trigo no Brasil

O Brasil é um dos maiores produtores mundiais de trigo, além de apresentar um alto consumo interno e um elevado índice de exportação.

Além disso, a cultura do trigo é considerada uma das mais rentáveis do mercado, sobretudo em razão da variedade de alimentos que possuem o cereal como matéria-prima.

 

Lavoura de Trigo

 

Nesse cenário, a plantação de trigo encontra um contexto economicamente estável e rentável para sua produção.

O Brasil oferece condições favoráveis para seu cultivo, principalmente na região sul do país, mas para garantir alta produtividade é preciso observar algumas práticas indispensáveis.

 

Características do trigo

Planta anual, composta de colmos eretos, produto de uma perfilhação sucessiva, que pode atingir até 1,5 m de altura. Folhas planas, compridas, um pouco ásperas, que possuem uma bainha invaginante.

O fruto, conhecido como grão de trigo, é do tipo cariopse, cuja forma é ovoide, entumecida, tenra e farinácea. Nem todas as flores transformam-se em frutos; geralmente encontram-se de 2 a 3 grãos em cada espigueta.

 

 

Benefícios nutricionais do trigo

O trigo é amplamente utilizado na alimentação humana devido ao seu elevado valor nutricional.

Os diferentes componentes do grão de trigo, com as suas variadas composições nutricionais, são empregados para cobrir as diferentes necessidades:

  • A farinha contém grande quantidade de hidratos de carbono e tem sido empregada como fonte de energia.
  • O germe de trigo é amplamente utilizado como fonte de vitaminas, contra a arteriosclerose e como hipo-lipemiante. É bom para a dermatite e outras afeções da pele. Também é essencial para a pituitária, tiroides e glândulas suprarrenais, controlando o crescimento e os órgãos reprodutores. É energético e dá vigor em casos de astenia física e intelectual, tendo também um grande poder afrodisíaco. Também ajuda na esterilidade e deficiência prostática. Devido à sua riqueza em vitamina E é muito recomendo para lutar contra a anemia ou o esgotamento em geral.
  • Farelo de trigo: pelo seu teor elevado em fibra é útil como laxante. De 2 a 3 colheres de sopa de farelo de trigo ao dia, consideram-se as quantidades apropriadas para combater a prisão de ventre.
  • As proteínas de trigo são ricas em glutamina, por isso têm-se utilizado hidrolisados de proteína de trigo como fonte de peptídeos.

 

Como obter o sucesso na lavoura de trigo?

No entanto, para alcançar essa excelência na produção desta cultura, é preciso estar atento a alguns fatores que são chave. Nós selecionamos os principais para você ficar por dentro e aumentar a produtividade na sua lavoura de trigo.

Confira!

 

Respeitar a época de plantio do trigo e as condições climáticas

O plantio do trigo sempre vai estar atrelado a época ideal determinada pelo Zoneamento Agrícola de Risco Climático (ZARC) para sua região, para consultar seu calendário.

Além disso, é importante levar em consideração as incidências climáticas da sua região, leve em consideração as seguintes particularidades do trigo:

  • A umidade relativa do ar ideal tanto para o plantio quanto para o cultivo é de 70%.
  • Já na fase de emergência, a temperatura do solo ideal varia entre 15º C e 20º C, temperaturas acima de 26 ºC podem ser prejudiciais ao desenvolvimento da planta.
  • Não existe um cálculo exato de qual a melhor hora para plantar, mas tendo em mente todos esses fatores, você será capaz de fazer uma escolha mais assertiva. 

 

Correção da fertilidade do solo

Assim como qualquer cultura, o trigo necessita de um solo que forneça os nutrientes adequados durante o seu ciclo produtivo.

 

Analise do solo

 

A análise do solo é o primeiro passo para determinar as necessidades de correção e auxiliar na escolha dos insumos mais adequados para aumentar a fertilidade do solo. Como a cultura do trigo também é bastante sensível, é preciso ficar atento às condições ideais do solo.

O ideal é optar pelo sistema de plantio direto, que proporciona uma boa estruturação física do solo, elevado índice de matéria orgânica e não é realizado a prática de revolvimento do solo.

 

Escolha das sementes e semeadura

A escolha das sementes faz toda a diferença na plantação de trigo. Sempre prefira sementes resistentes e de qualidade, adquiridas com produtores certificados ou que tenham obtido alta produtividade em suas lavouras.

 

Semente de trigo

 

Em relação à semeadura, é preciso observar as recomendações técnicas de cada cultivar. De maneira geral, as indicações de plantio para trigo na linha são:

  • Espaçamento entre linhas de 17 a 20 cm;
  • Densidade média de 200 a 400 sementes por m²;
  • Profundidade de semeadura de 2 a 5 cm.

 

Monitorar a incidência de pragas, doenças e daninhas

O trigo é uma cultura que reage bastante às mudanças climáticas, sendo que em um cenário com muitas ou poucas chuvas, sua lavoura pode estar sujeita a diversas intempéries. Além, é claro, dos demais fatores que trazem pragas, doenças e daninhas para o trigo.

Para maximizar sua produção, o ideal é um acompanhamento constante, que seja capaz de dizer o que deve ser feito na lavoura de trigo a cada novo acontecimento.

 

 

Cuidados durante o desenvolvimento do trigo

Se a região de plantio não apresentar períodos de chuvas regulares, considere utilizar a irrigação mecânica e controlada para garantir o desenvolvimento da cultura desde a germinação até a maturação.

 

Cuidados no desenvolvimento do trigo

 

Além disso, dê uma maior atenção à fase inicial, já que neste período a cultura está mais sujeita ao aparecimento de pragas, que pode acontecer de 30 a 45 dias após a emergência das plantas.

 

Colheita

Na prática, o grão está preparado para a colheita após 110 a 120 dias do plantio. Isso ocorre quando a planta está com a coloração amarelada (típica de palha), a espiga dobrando e os grãos duros.

 

Colheita do trigo

 

Após realizar a colheita, é importante ficar atento em relação ao valor da saca de trigo que geralmente varia significativamente. Portanto, escolha o momento mais propício para realizar a venda do cereal.

 

Conclusão

Podemos dizer que a cultura de trigo é uma das mais rentáveis do mercado, devido à variedade de alimentos que são produzidos a partir desse cereal. Porém é preciso ter alguns cuidados durante no desenvolvimento de sua lavoura.

Neste artigo citamos algumas dicas para que sua lavoura de trigo alcance a produtividade. É importante ressaltar que em caso de dúvidas o ideal é buscar um especialista na área.

Gostou de saber mais sobre o assunto?  Deixe seu comentário e acompanhe nosso blog e fique por dentro dos próximos artigo.

 

Pós-Graduação em Solos e Nutrição de Plantas

Michelly Moraes