fbpx
(31) 9 8720 -3111 [email protected]

O drone é uma tecnologia em constante avanço e vem revolucionando em diversas áreas. Neste post vamos falar sobre como a pulverização com drones pode tornar melhor a manutenção dos cultivos, uma vez que o drone pode sobrevoar áreas de difícil acesso.

Venha Comigo!

 

Drone para pulverização

 

O que são drones de pulverização?

Com o papel mais forte dos drones na agricultura, é natural que eles sejam utilizados em várias técnicas agrícolas.  Uma delas é a pulverização, um dos principais fatores de manejo para obter o maior potencial do cultivo e nisso entra o drones pulverizador.

Os drones para pulverização são equipamentos que vem ganhando o mercado, principalmente em áreas agrícolas de difícil acesso.

Com o controle de plantas daninhas e a capacidade de lidar com pragas e doenças, o uso de drones para pulverização tem apresentado ótimos resultados. Interessado em saber mais sobre o drones pulverizador? Então prossiga com a leitura.

 

Pós-Graduação em Gestão e Economia do Agronegócio

 

As vantagens do drone para pulverização para o agricultor

Os drones pode ser considerado como uma boa alternativa, visto que:

  • Em virtude de inovação, consegue colher o máximo potencial nos cultivos e bons resultados na colheita para os agricultores;
  • Ademais consegue atuar no combate de plantas daninhas, pragas e doenças e sua pulverização consegue atingir em torno de 4 hectares por hora, até 20ha por dia;
  • Possui pouco contato do produtor com agroquímicos, evita pulverização manual, torna mais rápida aplicação, até 40 a 60 vezes;
  • Assim como possui aplicação em áreas de difícil acesso áreas com declividade ou terraços;
  • Pouco contato do produtor com os produtos químicos.

 

Drones pulverizadores e boas práticas

As aplicações com drones de pulverização devem seguir as boas práticas já utilizadas nas pulverizações convencionais.

As escolhas dos bicos, vazão dos produtos e forma do leque devem ser pré-definidas com avaliação do técnico e conhecimento da cultura alvo.

 

Drones de Pulverização

 

O preparo da calda, bem como do princípio ativo a ser aplicado, adição de produtos e formulações, são fatores essenciais para garantir boas eficiências desse manejo nas áreas. Os fatores que merecem maior atenção quando trabalhamos com os drones de pulverização são:

  • Temperatura
  • Umidade
  • Velocidade do vento
  • Tamanho de gota

O que muitos não sabem é que uma coisa é operar o drone, e outra, é acertar o alvo com um drones pulverizador. Todos esses fatores citados podem influenciar na qualidade da aplicação realizada pelos drones.

Dessa forma, é essencial o conhecimento técnico e especialização no segmento para garantir boas assertividades das aplicações em campo.

 

Tecnologias que agregam qualidade à pulverização

 

Como funciona a pulverização remota dos drones?

Como dito antes, o drone para a pulverização não se restringe ao mapeamento da área de cultivo, apesar de também ter esse papel na agricultura de precisão.

Com atuação semelhante ao pulverizador uniport ou de arrasto, ele pulveriza todo o campo. E isso pode ser feito tanto por controle remoto, quanto sem a presença de um controlador. Na verdade, seu funcionamento é bem simples:

  1. Primeiro, é feita uma avaliação de alvo (isto é, extensão de atuação no campo) e do estágio da cultura a ser atingida.
  2. Depois, é definido o bico a ser utilizado, além da forma do jato e vazão adequados para o drone.
  3. Por fim, é preparado o caldo com o mesmo cuidado, sendo os produtos adicionados na ordem correta. A ordem é definida de acordo com as formulações e concentrações de cada produto.
  4. Após o preparo do princípio ativo e do caldo, são também inseridos os planos de voo. Assim, o equipamento pode realizar as operações em campo.

Os drones pulverizadores contam com sensores de micro-ondas em suas laterais e na frente, de forma que meçam as variações do terreno. Junto disso, possuem algoritmos no sistema, o que permite que libere boa quantidade, de boa altura e velocidade.

 

Principais modelos mais utilizados na agricultura

Contudo, já temos inúmeros equipamentos presentes no mercado que podem ser utilizados para garantir maior agilidade, precisão e qualidade nas aplicações nas fazendas. Veja a seguir:

 

1. Drone Agras MG-1

MG 1P foi desenvolvido como uma solução para pulverizações de aéreas de forma rápida e eficiente, sendo um drone com grande desempenho

 

Agras MG-1P

(Fonte: El VUELO DEL DRONE, 2021)

 

Capaz automatizar as operações de pulverização no plantio, definindo a quantidade de insumos agrícolas para pulverização a ser aplicada, possui sensores de ante colisão e GPS de alta precisão para garantir o máximo de acurácia em campo.

Isso se deve ao fato de que várias tecnologias de ponta foram integradas ao drone para fornecer confiabilidade suficiente durante um voo, trazendo segurança, eficiência e produtividade.

 

2. Drone Pelicano

Outro modelo de drone para pulverização que vem ganhando destaque no mercado é o drone pelicano.  Esse modelo conta com capacidade de 8 a 10 litros de defensivos agrícolas, com uma velocidade média de 20 a 40 km/h.

 

Drone Pelicano

(Fonte: Droneshow)

 

O modelo possui 6 bicos, com uma largura de 4 a 5 metros e uma vazão de 1l/min. Com esse equipamento é possível uma pulverização de até 1 hora, em um dia de trabalho pode pulverizar até 10 ha.

 

3. Daxi 10A e Daxi 50ª

Foram desenvolvidos em uma parceria entre a XMobots e a Geo Agri Tecnologia Agrícola e apresentados ao público no evento Drone Show em 2016.  Esses equipamentos possuem duas versões:

  • O Daxi 10A : Com tanque de capacidade de aproximadamente 10 litros de produto por voo e peso de 25 Kg.
  • Daxi 50A: Com tanque de capacidade de aproximadamente 50 litros de produto por voo e peso de 120 Kg.

 

Drone Daxi 10A e Daxi 50ª

 

O foco desses aeronaves é a pulverização de lavouras em manchas previamente definidas, aplicação em áreas de risco e de difícil acesso, onde o acesso de pulverizadores tradicionais não é possível.

 

4. ElevaSpray 150

Esse modelo chegou ao mercado a pouco tempo, sendo desenvolvido por três engenheiros aeronáuticos brasileiros. O modelo tem 5,5 metros e capacidade de voo de 2 horas.

O principal diferencial é o tanque de pulverização com capacidade de 75 litros. É mantido por combustíveis diferente dos outros drones e durante sua operação pode cobrir 20 hectares por hora.

De acordo com os idealizadores do projeto, o super drone garante maior eficiência, economia na aplicação e pode ser utilizado para aplicação noturna.

 

Checklist agrícola

 

5.     JT Sprayer 15-608

Esse modelo foi desenvolvido por uma empresa Chinesa, tem seis bicos e sua largura atinge 5 metros de largura. Além disso, esse modelo tem capacidade de 15 litros de produto.

JT Sprayer 15-608

(Fonte: Alibaba, 2021)

 

Apesar de tudo, esse modelo possui autonomia baixa em média 15 minutos, dificultando o trabalho em grandes áreas. Possui eficiência de pulverização de 6 ha/hora. As vazões nesse modelo, podem variar entre 0,2 a 0,4l/min.

 

Conclusão

O uso de drone para pulverização vem ganhando o mercado e conquistando inúmeros produtores. Sendo ótimo meio de se economizar e ter produtividade, além de evitar trabalhos humanos em contato com os produtos.

No futuro, novos equipamentos serão lançados com maiores capacidades no tanque de armazenamento de produtos e maiores autonomias de voo.

Cabe a cada produtor escolher se compensa comprar um drone para pulverizar suas áreas ou terceirizar este tipo de serviço. Em caso de duvidas o ideal e procurar um especialista da área ou se especializar realizando cursos para capacitação do uso.

 

Pós-Graduação em Gestão e Economia do Agronegócio

Michelly Moraes