fbpx
(31) 9 8720 -3111 [email protected]

Conseguir o primeiro emprego é um marco para qualquer profissional não apenas pela representatividade dentro de um plano de carreira, mas também pelo desafio de encontrar uma colocação quando ainda não se tem histórico no mercado. Neste post vamos mostrar algumas dicas importantes para alcançar seus objetivos.

Venha Comigo!

 

Primeiro emprego

 

Um momento muito aguardado pelos jovens é a  conquista do primeiro emprego. Em uma época de instabilidade na economia, concretizar essa meta não tem sido fácil, pois as oportunidades estão escassas e muito disputadas.

Além disso, as empresas estão realizando processos seletivos cada vez mais rigorosos, exigindo dos candidatos uma excelente preparação.

Sem dúvida, entrar no mercado de trabalho é um grande desafio no cenário atual. De olho nessa tendência, vamos mostrar para você iniciativas que vão ajudá-lo a vencer a concorrência e a iniciar uma trajetória profissional de sucesso.

 

https://agropos.com.br/

 

Qual a idade para o primeiro emprego?

Esta é uma pergunta bastante comum entre os adolescentes e jovens que querem entrar no mercado de trabalho.

A Constituição Federal do Brasil estabelece que menores de idade só podem trabalhar efetivamente pela CLT (Consolidação das Leis do Trabalho) a partir dos 16 anos.

Contudo, existem algumas exceções que permitem que adolescentes e jovens trabalhem antes mesmo dos 16 anos na condição de aprendiz. Neste caso, a idade para o primeiro emprego é a partir dos 14 anos.

Além disso, os menores que trabalham têm regras especiais de proteção e não podem realizar, por exemplo, trabalho noturno, ocupar posições insalubres, prejudiciais e nem perigosas para sua saúde ou para seu treinamento profissional e humano.

 

O melhor momento para o primeiro emprego

Buscar o primeiro emprego já nos primeiros períodos da faculdade é uma estratégia adotada por muitos jovens, principalmente em virtude da necessidade.

Apesar de não ser o melhor momento, pois os primeiros períodos servem para se ambientar e ter certeza da carreira a seguir e focar no conhecimento teórico, esta pode ser uma grande oportunidade.

Os empregadores desejam contratar pessoas com um mínimo de experiência, portanto é importante que na metade do curso o estudante busque o emprego ou, em muitos casos, um estágio, conciliando com os estudos.

Esse período é estratégico, pois geralmente as cadeiras que exigem muito são concentradas nos 2 primeiros anos, tornando essa missão mais fácil de ser cumprida.

 

Você sabe qual é o perfil de profissional mais procurado pelas empresas?

 

Dicas para conquistar o primeiro emprego

Algumas atitudes podem fazer toda a diferença na conquista do sonhado primeiro emprego. Pensando nisso, reunimos a seguir algumas dicas para ajudar você nessa missão.

 

1ª Dica – Qualifique-se

Seja qual for a área em que você quer atuar, ter um bom nível de qualificação profissional é o primeiro passo na busca do primeiro emprego. Portanto, leve sua educação a sério.

O diploma de curso superior é quase obrigatório para trabalhar em muitas áreas. Enquanto estiver na graduação, participe de palestras, faça outras disciplinas e atividade extracurriculares. E se possível faça uma especialização. Tudo isso é investimento em qualificação.

 

2ª Dica – Busque um estágio

Você sabia que um estágio não está relacionado apenas a estudantes de cursos técnicos ou de graduação?

De acordo com a lei do estágio (lei 11.788), esse programa é voltado para estudantes que estejam frequentando o ensino regular, seja em instituições do ensino superior, técnico, médio, educação especial e nos anos finais da educação fundamental na modalidade profissional de educação de jovens e adultos.

 

primeiro Emprego - Busque um estágio

Portanto, se você tem mais de 16 anos e se encontra matriculado em qualquer dessas instituições, busque uma vaga de estagiário, quem sabe aí está a sua oportunidade.

 

3ª Dica – Desenvolva um bom currículo

Recrutadores se deparam com centenas de currículos diariamente. Logo, se seu currículo estiver com uma má apresentação e sem foco ele será prontamente descartado. A dica é ser direto e simples em seu layout.

Veja as informações que não pode faltar:

  • Comece pelas informações pessoais, mas sem exagero;
  • Defina um objetivo profissional;
  • Destaque a sua formação acadêmica e extracurricular;
  • Mencione sua experiência com trabalhos voluntários;
  • Destaque suas qualificações profissionais Informe sobre certificações e hobbies;
  • Não esqueça das informações complementares.

Erros de português são inadmissíveis, portanto, sempre peça para um amigo ou familiar revisar o documento antes de enviá-lo às empresas.

A descrição do objetivo profissional deve ser clara e direta. Evite escrever demais e elaborar currículos muito longos ou com mais de uma folha.

 

4ª Dica – Aprenda a pesquisar as vagas

O passo inicial para conquistar o primeiro emprego é saber pesquisar pelas vagas corretas. Afinal, de nada adianta se candidatar para um cargo em que a experiência seja imprescindível. Nesses casos os recrutadores nem têm o trabalho de analisar o currículo de um candidato iniciante.

Para ter sucesso nesta primeira etapa, busque por vagas com o título de “analista”, que costumam ser próprias para profissionais recém-formados e sem experiência.

Outra dica é verificar diariamente se há vagas abertas no seu ramo. Muitos candidatos têm o costume de cadastrar o currículo no portal de vagas e acabam esquecendo de verificar as atualizações.

Por isso, fique sempre de olho nos sites de recrutamento, nas redes sociais específicas, como o Linkedin, e até mesmo em grupos para divulgação de vagas.

 

Ensino a distância: conheça os desafios e avanços nessa modalidade.

 

5ª Dica – Invista no seu marketing pessoal

Por isso, encontrar seu primeiro emprego requer conhecer suas habilidades, ter um bom currículo e se sair bem na entrevista.

Mesmo sem possuir muitas experiências, você pode se destacar investindo em marketing pessoal, o que não significa mentir sobre talentos, mas sim valorizar as qualidades que você desenvolveu ao longo de sua formação e mostrar como elas podem contribuir para a empresa na qual você deseja trabalhar.

 

6ª Dica – Prepare-se para a entrevista

Se você chegou até a fase de entrevista, saiba que ela pode definir tudo. Por isso, é muito importante controlar o nervosismo e saber responder as perguntas adequadamente, sempre mantendo a calma e fugindo dos clichês.

 

Entrevista do primeiro Emprego

 

Veja abaixo algumas dicas:

  • Se vista de acordo com o momento;
  • Mantenha a postura durante a entrevista;
  • Objetivo bem definido;
  • Honestidade nas respostas;
  • Disposição para inovar.

Para quem não tem prática trabalhando, o primeiro diferencial está naquilo que você conhece e pode agregar para a empresa. Também é uma maneira direta de compensar a inexperiência pela visão de que você é alguém que está sempre buscando novos conhecimentos.

 

Conclusão

Conseguir o primeiro emprego representa um divisor de águas na carreira de qualquer profissional. Portanto, encare essa etapa como uma fase de desafios na sua vida e, principalmente, um período de aprendizado.

Como você pôde ver, é muito importante se preparar adequadamente para que o desafio do primeiro emprego seja superado e alcançado com sucesso. Por isso, avalie nossas dicas e faça delas um ponto de partida.

Se você gostou desse conteúdo e te ajudou e esclareceu suas dúvidas. Comente e compartilhe em suas redes sociais!

 

https://agropos.com.br/

Michelly Moraes