(31) 9 8720 -3111 contato@agropos.com.br

Evento é aberto ao público e as vagas são limitadas. Professor Acelino Alfenas vai falar sobre trajetória ao longo dos mais de 40 anos de profissão.

O programa de Pós-graduação em Ciências Florestais e Ambientais da Faculdade de Engenharia Florestal da Universidade Federal do Mato Grosso (UFTM) e o PET-Floresta promovem uma roda de conversa com o professor da AgroPós, Acelino Couto Alfenas. O evento vai acontecer nesta sexta-feira (15), às 14h, na sala de reuniões da FENF. As vagas são limitadas e não é necessário fazer inscrição.
—–
Videoaula gratuita: Diagnose de doenças florestais | Professor Acelino Alfenas
—–
“Do campo à Academia Brasileira de Ciências – trajetória, internacionalização, empreendedorismo, parceria público-privada e formação de recursos humanos”. Esse é o tema do evento, onde o convidado vai falar sobre a carreira e trajetória construída ao longo de mais de 40 anos como professor da Universidade Federal de Viçosa (UFV).

Acelino Alfenas é Engenheiro Florestal, mestre em Fitopatologia pela Universidade Federal de Viçosa (UFV), Ph.D. em Patologia Florestal pela Universidade de Toronto, no Canadá, professor e pesquisador do Departamento de Fitopatologia da UFV e da Clonar/AgroPós, além de sócio-fundador da Clonar Resistência a Doenças Florestais, empresa graduada na Incubadora de Empresas de Base Tecnológica, do Centro Tecnológico de Desenvolvimento Regional de Viçosa (CenTev/UFV). Desde dezembro de 2017 é Membro Titular da Academia Brasileira de Ciências (ABC).
—–
eBook gratuito: As principais doenças bióticas da eucaliptocultura no Brasil
—–
No currículo do professor constam a coordenação e o desenvolvimento de mais de 140 projetos de pesquisa, a publicação de mais de 260 artigos científicos em periódicos de alto impacto, 12 livros e 44 capítulos de livros, além de 25 trabalhos completos e 570 resumos publicados em anais de congressos. Além disso, já orientou mais de 80 dissertações de mestrado, 48 teses de doutorado, 54 trabalhos de conclusão de curso de graduação e 76 na categoria iniciação científica. Desde 1999 é bolsista de produtividade em pesquisa nível 1A do CNPq. Em 2004, recebeu o Diploma de Mérito Florestal, do Instituto Estadual de Florestas (IEF), e a Medalha de Ouro Peter Henry Rolfs do Mérito em Pesquisa, concedida pela UFV.

ligamos para você AgroPós